Implementação de Sistema de Coleta Seletiva em Itabaiana/SE

Todos os dias, a sociedade produz muito lixo de quatro principais fontes: resíduos hospitalares, originários de clínicas, postos de saúde e hospitais, os quais possuem uma destinação específica; resíduos industriais que, por sua vez, são provenientes das mais diversas atividades desenvolvidas nas indústrias e que produzem reações químicas complexas que liberam resíduos gasosos, sólidos ou líquidos de alta concentração; Há também os resíduos comerciais e residenciais, oriundos das empresas, órgãos públicos e das residências, que representam volume considerável dos resíduos sólidos produzidos pela cidade.

Para que se tenha uma noção mais ampla, com base nas estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a quantidade de resíduo produzido por cada habitante é, em média, 1kg por dia. Ao analisar esta perspectiva, em Itabaiana/SE, cidade localizada no Agreste Central de Sergipe, com uma população em torno de 94 mil habitantes em 2016, a produção diária de lixo é superior a 90 toneladas/dia.

Por estes motivos e para melhorar a qualidade de vida dos munícipes é que a prefeitura municipal de Itabaiana por meio da Secretaria de Planejamento, Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente de Itabaiana (SEPES), em parceria com o Consórcio Público do Agreste Central (CPAC), entidade que auxilia na implantação e gestão dos resíduos solídos nos municípios que compõem o consórcio, entre os quais Itabaiana, estão buscando implementar o sistema de coleta seletiva de resíduos sólidos em nossa cidade.

A Prefeitura de Itabaiana, junto ao CPAC, providenciarão, na primeira etapa do projeto, a implantação de Ecopontos que também são conhecidos como PEV (Ponto de Entrega Voluntária), ou seja, locais preestabelecidos com recipientes destinados ao recebimento de resíduos sólidos secos.

Por sua vez, caberá à população separar os resíduos sólidos que produzirem e depositar nos Ecopontos, que serão distribuídos em pontos estratégicos de Itabaiana. Ressalta-se que a população precisa estar consciente de seu papel de protagonista para o bom funcionamento do sistema de coleta seletiva. Cabendo, a estes, a simples atitude de separar os resíduos secos e úmidos e depositá-los nos respectivos Ecopontos

Os resíduos secos são caracterizados como: papel, plástico, garrafas pet, papelão, latas de alumínio e vidros em geral. Sendo importante a higienização de embalagens antes da deposição nos coletores, os objetos cortantes como, por exemplo, vidros devem ser envolvidos com papel grosso, mesmo tipo de jornal e/ou dentro de uma caixa, de forma a evitar acidentes. Já os resíduos úmidos, também conhecidos como orgânicos, são caracterizados como sobra de alimentos, sacos de chá, cascas de frutas, de ovos e legumes.

Importante observar que os seguintes itens não têm condições de serem reciclados e, dessa forma, não precisam ser destinados aos Ecopontos: papel-carbono, etiqueta adesiva, guardanapos, fotografias, filtro de cigarros, papéis sujos, papéis sanitários, copos de papel. Clipes, grampos, esponjas de aço, canos. Espelhos, cerâmicas, porcelana.

Os resíduos com alta concentração de compostos químicos, como pilhas e baterias devem ser depositados em pontos de coleta específicos. Um desses pontos de coleta se encontra na sede da Secretaria de Planejamento, Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente de Itabaiana (SEPES) localizada na rua Pedro Diniz Gonçalves, número 600, vizinho ao SESI de Itabaiana.

Ciente da importância desse projeto de coleta seletiva para o desenvolvimento sustentável de nossa cidade cabe a cada um arregaçar as mangas e colaborar para o projeto de coleta seletiva que será implantado na nossa cidade.

Domínio provido por:

    

Prefeitura Municipal de Itabaiana/SE

Praça Fausto Cardoso, 12, Centro, Itabaiana/SE, CEP 49500-000. Fone: (79) 3431-9701


Desenvolvido e Assessorado por Sólon Albuquerque   Hospedagem Gerenciado.net